12.12.07

Kassel (5) Lin Yilin



"Numa tarde pouco excepcional em Junho de 2005 uma parede de tijolos de cimento é movida peça a peça por Lin Yilin atravessando a Avenida Lin He em Guangzhou (Cantão)." - A relação de choque inesperada entre o "eu" espectador e o real urbano cinzento e caótico faz-nos pensar que a Avenida Lin He poderia ser uma outra qualquer no mundo. Mas independentemente de todos os cogitanços existenciais, lá que esta é uma ideia brutal lá isso é que é. Note-se que a parede vai pela passadeira e por isso tem prioridade.

4 comentários:

m disse...

Eu tabém gostei muito desse video ... a lenta dança da reconstrução do muro ao longo do trajecto parece invisível para os outros condutores (não se ouviam buzinões nem condutores enfurecidos a levantar o dedo do meio, pois não?) ... parece que nós, espectadores do video, fomos os únicos a compreender na totalidade os movimentos daquela performance "fantasmagórica".

zé do pipo disse...

Bem observado. Realmente ninguem apitava. Ou os cantoneses são muito "cool" ou então houve trabalho sonoro por detrás a pos-produção.

TheGreatGonzo disse...

Foi de qq modo um dos melhores da Documenta

Anónimo disse...

viva man Gonçalo. A Mó, o Karlown e o Manelinho tb foram à Documenta em Agosto. Muito forte este vídeo e ainda por cima na China. Se calhar em Portugal o bacano era gajo para levar com um fogareiro ou outro em cima.Zalut grande artista.